12 Livros para o profissional de mídias sociais ler em 2013 – parte 1

Continuando a série de posts que já fiz em 2010 (ver partes 1, 2, 3 e 4), 2011 (ver partes 1, 2, 3 e 4) e 2012 (ver partes 1, 2, 3 e 4), vou continuar a indicar alguns livros que podem expandir os horizontes para os profissionais de comunicação digital e mídias sociais. A ideia é indicar 12 livros para serem consumidos ao longo do ano: um por mês é um número justo e produtivo. :)

O livro Mídias Sociais – Saberes e Representações é fruto do primeiro Simpósio em Tecnologias Digitais e Sociabilidade, organizado pelo GITS – UFBa em 2012. O evento reuniu centenas de pesquisadores de todo o Brasil que, durante dois dias no Poscom/UFBA, debateram em conferências e grupos de trabalho o estado da pesquisa e tendências sobre o pensamento em torno das mídias sociais.

Quatorze artigos selecionados do evento foram impressos no livro organizado por José Carlos Ribeiro, Thiago Falcão e por mim. Entre os trabalhos, estão textos como “Entre o Ser e o Estar: a representação do eu e do lugar no Foursquare“, “Compras Coletivas: uma análise exploratória de sua utilidade para as empresas anunciantes” e “Interatividade e participação em contexto de convergência midiática”. O livro está disponível para venda em diversas livrarias, como a Cultura.

 Acompanhem o blog do GITS para aproveitar as excelentes discussões propostas e saber da publicação da próxima edição do livro, prevista para 2013, com artigos da segunda edição do evento.

A Conversação em Rede – Comunicação Mediada pelo Computador e Redes Sociais na Internet é o terceiro livro da Raquel Recuero, que anteriormente já publicou sobre o tema Redes Sociais na InternetMétodos de Pesquisa para Internet (com Adriana Amaral e Suely Fragoso).

Desta vez, Recuero se debruça sobre o ato interacional da conversação, tão central nas redes sociais na internet. Para tanto, realiza resgate histórico do que já foi dito sobre conversação, escrita, campos públicos e privados, conceito de presença, contexto e a própria estrutura de redes. A análise estrutural de redes é uma metodologia apresentada e empregada pela autora para analisar alguns cases, com as conversações em torno das hashtags #GTCiber e #BeloMonte, além da morte de Amy Winehouse e a comoção em torno do massacre de Oslo.

Organizado pelos pesquisadores Thiago Falcão e Luiz Adolfo Andrade, Realidade Sintética: Jogos Eletrônicos,   Comunicação e Experiência Social é composto de 12 artigos com temas emblemáticos na pesquisa acadêmica sobre jogos eletrônicos e comunicação. Dividido em três partes, “Jogos Eletrônicos e Redes Sociais”, “Jogos Eletrônicos e Experiência Urbana” e “Mundos Virtuais”, a publicação traz textos de autores muito reconhecidos na área, como André Lemos, Raquel Recuero e Suely Fragoso. Além dos artigos, cada um destes três pesquisadores abre cada capítulo com um texto introdutório bastante esclarecedor.

Com tiragem quase esgotada, a publicação foi disponibilizada para download pelos organizadores: http://thiagofalcao.info/?p=789

Assine o feed do blog para não perder os próximos posts, que indicarão livros sobre monitoramento e inteligência de mercado, teoria ator-rede e pesquisa.

12 livros para o profissional de mídias sociais ler em 2012 – parte 4

Finalizando as dicas de bibliografia para este ano, indico três livros sobre monitoramento de mídias sociais. Para ver os outros livros indicados, acesse as partes 01, 02 e 03.

O livro Social Media Analytics, de Marshall Sponder, materializa o bom trabalho que este profissional vem realizando em seu blog, o Web Metrics Guru. Apesar deste nome ridículo, o blog é um dos mais interessantes em atividade na área. Em 12 capítulos, Sponder fala sobre os modos de análise, sobre a busca pelo ROI, passapela avaliação de valor das métricas comuns amigos, fãs e seguidores, e chega a pontos específicos como análise e monitoramento multicultural. Há também muitas considerações sobre as ferramentas, ponto importantíssimo na nossa área. Destaque para o capítulo “Advanced Social Analytics”, que tenta reunir as diversas possibilidades de coleta e processamento dos dados provenientes do monitoramento, web analytics e scorecards.

Listen First!, de Stephen Rappaport, procura demonstrar como transformar as conversações nas mídias sociais em vantagem competitiva. O livro é bem estruturado, começando com um capítulo básico com “passos para o monitoramento efetivo” até capítulos sobre inovações e o futuro da área. Traz vários cases ao longo do livro, inclusive com exemplos práticos de análise, como distribuição de interações por tipo de conteúdo, algo fácil e efetivo de realizar, mas bastante subestimado. Rappaport também agrega um apêndice com perfis de fornecedores de tecnologias e ferramentas para monitoramento e pesquisa de marketing online. Visite o blog do livro para ter acesso a mais recursos: http://listenfirst.buildcapacity.com/

Por fim, o recém-lançado Para Entender o Monitoramento de Mídias Sociais é um e-book colaborativo e creative commons que reuniu 27 autores brasileiros. Seguindo o formato dos ebooks Para Entender a Internet e Para Entender as Mídias Sociais, são tópicos em torno do tema central que, juntos, buscam dar conta das principais questões relevantes para se entender o tema central. São analistas, coordenadores e diretores de agências de mídias sociais, gerentes de marketing, pesquisadores e professores engajados em distribuir conhecimento sobre uma área ainda carente de publicações: este é o primeiro livro brasileiro sobre o tema.

12 livros para o profissional de mídias sociais ler em 2012 – parte 2

Continuando uma série de dicas de livros que iniciei em 2010 (parte 1parte 2parte 3 e parte 4) e continuei em 2011 (parte 1parte 2parte 3 e parte 4), vou indicar 12 livros que podem interessar e ajudar o profissional de mídias sociais em 2012. A ideia é sugerir um livro para cada mês do ano. Veja a parte 1 com dicas de livros sobre mensuração e, hoje, vamos falar de livros sobre eleições e política. Depois das experiências dos últimos anos, as eleições de 2012 prometem movimentar o mercado e o profissional de mídias sociais deve estar preparado.

O livro Mídias Sociais e Eleições 2010, co-organizado por mim, reúne 23 artigos de profissionais e pesquisadores convidados e selecionados. Estão presentes, entre os articulistas, nomes como Gil Castillo, Murillo de Aragão, Leando Mazzini, Carlos Manhanelli e Martha Gabriel. A proposta do livro foi observar o uso das mídias sociais nas eleições brasileiras de 2010, para registrar e debater este momento de forma crítica, visando servir de recurso para o futuro. Entre os artigos, há trabalhos sobre a influência da campanha de Obama, sobre o monitoramento de mídias sociais, discussões nas comunidades do Orkut, cobertura jornalística, planejamento da campanha, militância e conteúdo.

Também focado na realidade brasileira, o livro Internet e Participação Política no Brasil, com organização de Rousiley Maia, Wilson Gomes e Jamil Marques, traz 9 capítulos escritos por doutorandos e professores doutores da UFBA, UFMG e UFC. Ao longo de suas páginas, trata de participação, propaganda política,  deliberação online e sites e portais governamentais.

Entre os capítulos, estão “Internet, Eleições e Participação: Questões-chave acerca da participação e do ativismo nos estudos em campanhas online”, de Camilo Aggio, “Exigências democráticas e dimensões analíticas para a interface digital do Estado” e “Internet e esfera civil: Limites e alcances da participação política”, de Rousiley Maia.

Editado por Costas Panagopoulos, Politicking Online – The Transformation of Election Campaign Communications foi lançado em 2009 e reúne 16 capítulos em quatro partes: Web Sites de Candidatos; Tecnologia e Mobilização de Eleitores; Perspectivas Internacionais; e Blogs e Sites de Redes Sociais. São estudos de caso e discussões referentes a diversos países e abarcando temas como uso de mensagens SMS, impacto de email marketing, blogs de campanha e o uso de sites de redes sociais como canais alternativos.

12 livros para o profissional de mídias sociais ler em 2012 – parte 1

Continuando uma série de dicas de livros que iniciei em 2010 (parte 1, parte 2, parte 3 e parte 4) e continuei em 2011 (parte 1parte 2parte 3 e parte 4), vou indicar 12 livros que podem interessar e ajudar o profissional de mídias sociais. A ideia é indicar um livro para cada mês do ano. Vamos começar com três dicas de livros sobre mensuração e métricas esse primeiro post: espere mais nos próximos meses.

No livro Measure What Matters: Online Tools For Understanding Customers, Social Media, Engagement, and Key Relationships, a Katie Delahaye Paine continua sua jornada de produção de conteúdo sobre mensuração, pesquisa e relações públicas. Ao longo de 14 capítulos, Paine explica tanto como utilizar tecnologias digitais para medir reputação, ações de marketing, campanhas, eventos, medir a satisfação de consumidores e funcionários e identificar influenciadores como analisar as tecnologias digitais e mídias sociais como fontes de dados e análise.

Katie Paine e sua consultoria já publicaram outros livros e documentos, como Measuring Public Relations – the data-driven communicator’s guide to successMeasuring the Transparency of Environmental Sustainability Reporting Through Websites of Fortune 50 Corporations. Recomendo também ver o blog do livro Measure What Matters, a newsletter The Measurement Standard e seu blog pessoal. Além de  atualizar o Twitter, também possui diversas apresentações no SlideShare.

Sou um fã de John Lovett desde que comecei a pesquisar mídias sociais e publicidade digital. Não pude deixar de comprar o seu livro Social Media Metrics Secrets que, apesar do nome horrível, é um excelente manual para entendimento das métricas em mídias sociais. Na primeira parte do livro, Lovett parte da abundância dos dados que temos hoje, pra mostrar como selecionar e transformar dados em informação. Em seguida, mostra como gestionar as mídias sociais baseado em analítica. Na última parte, mostra como tudo isto resulta em avanços e retorno para as organizações.

Confira seu blog na WAD e o excelente documento Social Marketing Analytics, feito em parceria com o também ótimo Jeremiah Owyang do Altimeter Group: http://www.slideshare.net/jlovett/social-marketing-analytics

Guy Powell, Steven Groves e Jerry Dimos possuem um forte pensamento financeiro no livro Social Media ROI – How to Improve the Return on Your Social Marketing Investment. Destaco nesta publicação a compreensão dos diversos tipos de stakeholders envolvidos nas mídias sociais e suas motivações e o framework de engjamento com mídia. A partir da tríade influenciadores-consumidores-indivíduos, os autores apresentam estratégias e métodos de análise. Entre a prolífica produção anglófila sobre métricas em mídias sociais durante o último ano, este é um dos que já foram traduzidos para o português. Então, se preferir, confira o Retorno sobre Investimento em Mídias Sociais.

12 livros para o profissional de mídias sociais ler em 2011 – parte 4

Finalizando a série com os 12 livros, vamos dar a dica de dois livros que unem a psicologia à comunicação e outro focado em marketing digital para fechar o ciclo. Se você não viu as outras dicas, não esqueça: parte 1, parte 2 e parte 3.

Influence: the psychology of persuasion, de Robert Cialdini, é um dos livros mais clássicos sobre o tema da persuasão. Robert Cialdini discute o tema em sete capítulos. No primeiro, fala das “armas da influência” em geral. Cada capítulo seguinte é dedicada a seis fatores que ele identificou como básicos: reciprocidade, compromisso, validação social, afeto, autoridade e escassez.

É particularmente interessante identificar como argumentos em anúncios, aspectos de táticas de campanhas e demais estratégias comunicacionais comerciais podem ser encaixadas nas categorias propostas pelo autor. Entendê-las de uma forma sistemática é um bom passo para conseguir aplicar na comunicação digital.

O livro Social Psychology of Consumer Behavior, editado por Michaela Wänke, reúne 16 artigos em cinco seções: Introdução; Construção de Julgamentos e Decisões de Consumo; Sentimentos Afetivos e Cognitivos nas Decisões de Consumo; Influências Sociais e Midiáticas no Julgamento e Comportamento; e Metas e Auto-Regulação.

É um livro bastante interessante, que discute diversas dinâmicas envolvidas no consumo. A introdução, que discute a aproximação da pesquisa sobre consumo à psicologia social é fabulosa, assim como capítulos que discutem as propriedades percebidas de marcas, como “Brands and Successful Brand Extensions – A Social Psychology Perspective on Economic Questions”.

Marketing na Era Digital: conceitos, plataformas e estratégias é o mais novo livro lançado pela Martha Gabriel, palestrante e pesquisadora de comunicação digital. Martha já lançara anteriormente os livros

Neste livro, a autora parte dos conceitos básicos sobre Marketing para afunilar às práticas e ambientes digitais. O livro é dividido em quatro partes: planejamento estratégico de marketing; transformações no ambiente de marketing; plataformas e tecnoologias digitais emergentes; e estratégias digitais de marketing. Entusiasta de tecnologias mobile, Martha Gabriel recheou o livro de QR codes para oferecer conteúdo adicional digital.