Participe do III Colóquio de Análise de Redes Aplicada – CARA 2019

Em 11 e 12 Julho de 2019 acontecerá, em Lisboa, o III Colóquio de Análise de Redes Aplicada – CARA 2019. É possível submeter resumos até o dia 01 de abril (data atualizada!).

A análise de redes permeia diversas áreas do conhecimento e oferece novas ferramentas para uma ampla gama de campos de investigação, a sociologia, economia, gestão, história, matemática, educação, geografia, psicologia, saúde, comunicação, biologia, física, etc. O III Colóquio de Análise de Redes Aplicada – CARA 2019 – tem como propósito discutir avanços na aplicação da análise de redes em diversas áreas do conhecimento e promover a incorporação de novos recursos e conhecimentos à comunidade científica, difundindo o uso da análise de redes para a interpretação e compreensão das diferentes estruturas e processos de interação.

São 15 sessões ao todo e diversas devem interessar aos leitores do blog! Destaco Comunicação e Media Sociais, organizada por mim e Inês Amaral (Universidade de Coimbra). A sessão busca reunir comunicações que apliquem a ARS à investigação de fenômenos comunicacionais em diversos media, sobretudo os que tomam corpo ou são perpassados por ambientes digitais tais como blogs, Facebook, Twitter, YouTube e Instagram. Projectos de análise e descrição de dinâmicas e fluxos informacionais; construção e afiliação de grupos e comunidades; ativismos, controvérsias e movimentações político-sociais; entre outros olhares em rede sobre esferas da sociedade são bem-vindos.

Confira mais informações em: https://medium.com/@csg.iseg.ulisboa/col%C3%B3quio-de-an%C3%A1lise-de-redes-aplicada-c4208f4984c1

Curso online de Análise de Redes em Mídias Sociais

Em 12 de junho começará o curso online de Análise de Redes em Mídias Sociais, que desenvolvemos no IBPAD depois de anos de experiência prática na área e mais de 10 edições de cursos abertos ou in-company. Idealizado por mim e meu sócio Max Stabile (Mestre em Ciência Política), o curso conta também com conteúdo de Marcelo Alves (Mestre pela UFF e cofundador da Vértice).

Serão mais de 90 aulas divididas em 5 módulos, que podem ser acessados pelo aluno por 6 meses. Saiba mais abaixo, veja uma aula gratuita e use o código taruvector10 para um desconto exclusivo:

.

Cinco livros (e + cinco artigos gratuitos) sobre métodos digitais de pesquisa

[Artigo originalmente publicado no blog do Instituto Brasileiro de Pesquisa e Análise de Dados]

livrosAs mídias sociais trouxeram possibilidades e desafios muito relevantes para a pesquisa empírica em comunicação e demais ciências sociais aplicadas. Em alguns ambientes hoje fala-se muito com termos e jargões de mercado como social big data mas, apesar da grande abundância de dados produzida a cada segundo, existem muitas restrições à viabilidade destes dados. Especialmente nos dois âmbitos a seguir. O primeiro é o acesso em si a estes dados, uma vez que, além das questões de privacidade, algumas plataformas como Facebook promovem o gradual fechamento de seus fluxos de comunicação. O segundo é o ferramental metodológico e instrumental para acessar, manipular e transformar estes dados em informações, conceitos, teorias e aplicações levando em conta as affordances destes ambientes.

Levando isto em conta, quero indicar aqui cinco livros recentes sobre métodos digitais que podem ser o pontapé inicial da bibliografia do pesquisador interessado nestas trajetórias.

Continuar lendo

O que você precisa saber sobre redes?

O que qualquer estudante precisa saber sobre redes atualmente, já que estamos em um mundo conectado? O termo “sociedade em rede” circula a imprensa e cultura popular há décadas, mas os conhecimentos sobre análise de redes ainda não fazem parte da educação básica. Este é um dos objetivos do NetSciEd, que lançou o documento Network Literacy: Essencial Concepts and Core Ideas. Realizamos a tradução para o português, veja abaixo:

Análise de Redes para Mídias Sociais – introdução

O slideshow abaixo faz parte do curso “Monitoramento de Mídias Sociais: Inteligência de Mercado“, realizado entre 21 e 30 de julho na Cásper Líbero. A visualização pode ser realizada através do embed abaixo ou no SlideShare (será liberada para download em breve). Os estudantes receberão o arquivo através de e-mail.