Monitoramento da imagem das organizações e as ferramentas de busca de blogs

Apesar da intensa publicação acadêmica sobre mineração de dados, análise de sentimento, análise de texto, clustering e reputação em mídias sociais, ainda são poucos os pesquisadores que deram considerável atenção à práticas de monitoramento de marcas e mensuração da comunicação em mídias sociais da perspectiva abrangente do marketing. A circulação destes artigos é ainda menor. Para sanar um pouco disso, vou começar a publicar posts com indicações, resumos e resenhas de alguns destes artigos aqui no blog.

Quando comecei o mapeamento das publicações sobre o tema, encontrei talvez um dos primeiros artigos brasileiros a tratar especificamente do monitoramento da imagem nas mídias sociais. Escrito por Cíntia Carvalho, Rodrigo Goulart, Helaine Rosa e Sandra Montardo, o artigo “Monitoramento da imagem das organizações e as ferramentas de busca de blogs” foi publicado em 2006. Ao justificar o trabalho, as autores dizem que “Até o momento, não se sabe da existência de softwares ou sistemas específicos para a análise automática de blogs que permitam uma avaliação qualitativa e quantitativa da relação de blogs com uma determinada organização, entidade ou pessoa, o que justifica este estudo”. De fato, este foi o ano de lançamento do Radian6 e outras ferramentas semelhantes, um marco no mercado do monitoramento de marcas. Depois de explicar os conceitos de imagem e risco para as organizações, assim como o papel dos blogs neste contexto online, as autoras realizam uma análise dos resultados da busca por algumas marcas nas ferramentas Google Blog Search e Technorati.

O resumo e link do trabalho:

Os blogs se fazem presente na vida das empresas, independentemente de elas estarem ou não a par doque se diz sobre elas neste canal. Na medida em que os blogs se popularizam no Brasil, aumentam osriscos de que seus autores se utilizem dessa ferramenta para beneficiar ou comprometer a imagem e a reputação de uma corporação. Assim, percebe-se a importância de se usar essa nova forma decomunicação a favor das organizações no sentido de monitorar essas ferramentas e ampliar apossibilidade de diálogo com seus públicos. O objetivo deste artigo é analisar o funcionamento das ferramentas de busca de blogs existentes (Pesquisa Google de Blogs e Tecnorati) para que se indique seus limites e suas possibilidades no monitoramento de blogs. Em seguida, destaca-se a pertinência daproposição de novos métodos para o processamento automático ou semi-automático de blogs, com vistana análise semântica dos mesmos e seu relacionamento com a imagem das organizações, por meio demétodos e técnicas de Processamento da Linguagem Natural (PLN).

Link: Monitoramento da imagem das organizações e as ferramentas de busca de blogs (PDF)

Assine o blog e receba mais artigos sobre o tema em breve.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *