Pontos, Linhas e Métricas #00: introdução ao projeto

Em um mercado digital local já com bem mais de uma dúzia de anos de história relevante, tendo seu nicho de “mídias sociais” (como é concebido hoje) surgido e crescido nos últimos anos, ainda me assusto com a quantidade de informações erradas, redundâncias e preconceitos existentes. Uma parte considerável deles está associada à preguiça de alguns profissionais de estudar a fundo as ideias e história dos objetos e fenômenos com os quais trabalham. Já li que o “conhecimento da academia fica mofando”. Mas o Brasil é justamente um dos países que mais gera conhecimento de qualidade sobre a área e, o melhor, o país é um dos que lidera em termos de abertura e livre acesso de publicações (veja algumas revistas na sidebar, por exemplo).

Esta postagem aqui é mais um empreendimento em tentar diminuir essa estúpida e falsa cisão entre academia e mercado. Entre as bases de conhecimento necessárias para os profissionais de comunicação digital e mídias sociais, está o conhecimento em torno das redes sociais e, mais especificamente, suas dinâmicas, estruturas e os modos pelos quais podem ser melhor compreendidas. Então, com fins também de exercício – uma vez que é um universo enorme que estou sempre aprendendo – decidi escrever um pequeno manual sobre redes sociais e análise estrutural de redes sociais. Mas, ao invés de publicá-lo de modo “fechado” como os ebooks anteriores, farei de um modo mais cadenciado, deixando espaço para feedbacks e demandas.

Então esta é a primeira postagem do projeto “Pontos, Linhas e Métricas: introdução à análise estrutural de redes sociais” (clique para ver o índice). Uma série de pequenos capítulos, publicados como postagens, que se tornarão um ebook. Ao final do período, com o feedback de leitores e novos aprendizados descobertos, consolidarei os textos revisados no próximo ebook a ser publicado. Espero que no final desta jornada, eu tenha ajudado alguns leitores a alcançar o objetivo de entender os conceitos e dinâmicas das redes sociais e sua análise estrutural para fins de aplicação na geração de inteligência, com fins  pessoais e profissionais.

Uma das redes que será analisada nas próximas semanas.

Em duas a três dúzias de postagens nos próximos meses irei apresentar dos conceitos mais básicos à aplicações específicas. Esperem postagens sobre: teorias explicativas como a força dos laços fracos e mundos pequenos; softwares de coleta, manejo e visualização como NodeXL e Gephi; tutoriais de como visualizar suas próprias redes no Facebook e Twitter; exemplos curiosos de análise de redes em áreas como culinária;  e como usar a análise estrutural na realização de serviços de inteligência.

A ideia é demonstrar diversas facetas e minúcias destas linhas de pensamento sobre as redes sociais. Muitas das ideias, projetos e trabalhos apresentados aqui serão provenientes de profissionais e pesquisadores das áreas de estatística e computação. Porém, conhecimento técnico destas áreas não serão necessários, mas as referências serão indicadas para quem desejar se aprofundar. Além disso, muito do que será apresentado aqui pode ser encontrado em excelentes trabalhos já publicados. No final de cada post, algumas indicações de bibliografia serão sempre apresentadas. A parte teórica do que apresentarei aqui está disponível em grande profundidade em alguns dos livros que indico ao final deste post.

Então, é isto. Vamos começar? As primeiras postagens serão publicadas ainda esta semana e tratarão dos conceitos de redes sociais e análise estrutural.

Bibliografia Básica Recomendada:

FRAGOSO, Suely; RECUERO, Raquel; AMARAL, Adriana. Métodos de Pesquisa para Internet. Porto Alegre: Sulina, 2011. [compre]

LEMIEUX, Vincent; OUIMET; Mathieu. Análise Estrutural de Redes Sociais. Lisboa: Instituto Piaget, 2004. [compre]

RECUERO, Raquel. Redes Sociais na Internet. Porto Alegre: Sulina, 2009. [compre]

SCOTT, John. Social Network Analysis: a handbook. Londres: Sage Publications, 2000. [compre]

SILVA, Tarcízio. Aplicativos de Análise de Informações Sociais: mapeamento e dinâmicas interacionais. Dissertação de Mestrado. Programa de Pós-Graduação em Comunicaçação e Cultura Contemporâneas. Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2012.

3 comentários sobre “Pontos, Linhas e Métricas #00: introdução ao projeto

  1. Pingback: Alguns conceitos básicos para entender a análise de redes em mídias sociais – insightee

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *